[...] Mas você nunca foi muito maligna, Aurora... Todo problema está ai.

- Fabien Vehlmann, Aurora nas Sombras

Uma Graphic Novel da Darkside escrita por Fabien Vehlmann e ilustrada pelo casal Marie Pommepuy e Sébastien Cosset (conhecidos como Kerascoet), publicada em julho de 2019, Aurora nas Sombras é uma fábula que mesmo por apresentar traços fofos, não tem nada de delicado. A história inicia com Aurora de Hector tomando chá quando coisas vermelhas começam a cair e ao sair do local é mostrado um corpo de uma menina morta no meio de uma floresta. Ao decorrer da trama, Aurora e as outras pessoas que saem do corpo da menina terão que aprender a se virar e viver juntos em um local estranho para todos. A estória vai mostrar Aurora fazendo o máximo para que todos possam sobreviver bem em meio a um ambiente novo e perigoso, contudo vários acontecimentos fizeram com que a personagem perdesse a sua essência bondosa.

A arte do livro é única, apresenta um traço bonito e cores muito vivas, em contraste, a narrativa é muito bizarra e mesmo assim se fez um equilíbrio ideal entre o belo e o feio, uma junção normalmente difícil de se encaixar, realmente ficou um trabalho muito bem feito.

Aurora nas Sombras é um livro que a cada leitura realizada é uma nova descoberta e uma nova interpretação feita acerca da narrativa do quadrinho. A Darkside tem como uma característica livros que nos mostrem vários entendimentos do mesmo conteúdo lido, Fragmentos do Horror, do Junji Ito, é um exemplo. Não se sabe como e por que aquele corpo foi parar na floresta e entender a existência dessas pessoas no corpo da garota é uma incógnita total, e são esses questionamentos que prendem o leitor.

Pode-se dizer que o livro retrata pessoas existentes na sociedade: O correto (Aurora), o egoísta (Plim), o narcisista (Hector), a soberba (Zélia), entre outros. Duas personagens chamam muita atenção por suas ações, sendo elas uma menina que não quer sair do corpo da garota morta e tem medo de tudo que está além do seu campo de visão, deixando evidente que a sobrevivência se faz não saindo de sua "zona de conforto"; e outra personagem é Jane, uma mulher ruiva que sobrevive por sua conta e risco mostrando que podemos viver sem precisar depender de ninguém.  

Ver a mudança da Aurora nos mostra que ser bom em um meio de pessoas ruins é algo inviável, sendo isso um enorme reflexo de vários momentos da vida do ser humano, de fato, um reflexo da escuridão humana.

O homem é bom por natureza. É a sociedade que o corrompe

- Jean-Jacques Rousseau

Essa Graphic Novel se mostrou algo muito mais do que um livro, tudo nele é atrativo, a arte, a história, os personagens, o seu lado negativo é por ser fino, 92 páginas com o preço de R$ 64,90 é de fato seu lado ruim, contudo a Amazon tem muita promoção e pode garantir um preço mais favorável. Recomendo muito para quem quiser iniciar uma rotina de leitura nessa quarentena.