Netflix anunciou que está desenvolvendo um remake de Rebelde, fenômeno das telenovelas adolescentes que chegará em 2022. Mas você sabia que essa não é a primeira vez que a obra ganhará uma nova versão?
Desde a Argentina até a Índia, conheça nessa matéria TODAS as gerações de Rebeldes ao redor do globo.

REBELDE WAY (ARGENTINA)

Vamos começar pela primogênita.
Rebelde Way foi uma produção argentina criada por Cris Morena (criadora de Chiquititas e Floricienta), e foi ao ar entre maio de 2002  até dezembro de 2003 (somando o total de 315 capítulos).

A trama se passava no famoso Elite Way School, na cidade de Buenos Aires, e contava a jornada de adolescentes de diferentes classes sociais que conviviam diariamente nesse colégio, superando suas diferenças e convivendo com diversos dilemas do mundo jovem, como drogas, sexo, preconceitos e o relacionamento entre pais e filhos.

Entre todos os personagens e sub-tramas, o arco principal da novela girava em torno de quatro jovens: Mía, Manuel, Marizza e Pablo. E mesmo que eles tenham personalidades completamente diferentes entre si, eles vão descobrir que existe algo que os une: o amor pela música.

A novela foi um estouro na Argentina, ganhando até um filme no ano de 2004 chamado Erreway: 4 Caminos, e todo esse sucesso chamou a atenção de mais produtores que gostariam de ganhar público com a história desses jovens.

REBELDE (MÉXICO)

Netflix fará versão de 'Rebelde' e portal mexicano divulga possível elenco  | Viver: Diario de Pernambuco

Agora é hora de falar sobre o MAIOR FENÔMENO REBELDE DE TODOS OS TEMPOS, pois agora chegou o momento de falar da versão mexicana de Rebelde.

Exibida entre outubro de 2004 até junho de 2006, a nova geração continuou com a narrativa do cotidiano de adolescentes que estudam num colégio interno e que enfrentam os dilemas típicos do período da juventude, mas além do que já foi apresentado de costume, a nova versão foi mais fundo e tocou em temas como conflitos de autoimagem, desenvolvimento de distúrbios alimentares, relacionamento conflituoso com os pais, bullying, alcoolismo, orfandade, drogas, gravidez na adolescência e obesidade. E ao invés de quatro protagonistas, a versão mexicana tinha seis protagonistas (Mia, Roberta, Diego, Lupita, Giovanni e Miguel), e todos eles se juntavam pelo amor com a música, formando o grupo RBD.

A ideia da banda deveria durar apenas na ficção, mas o sucesso foi tanto que o grupo acabou se incorporando na vida real, fazendo um sucesso mundial, com diversas turnês que chegaram até o Rio de Janeiro (onde o grupo lotou o Maracanã na famosa Live in Rio).
O grupo durou até 2009 e lançou cinco álbuns oficiais com diversos hits que chegam no topo das paradas até os dias de hoje ( e a versão da Netflix usará algumas músicas da trilha da novela mexicana).

REMIX (ÍNDIA)

Exibida entre novembro de 2004 até julho de 2006, essa é uma versão que precisou se adaptar aos costumes indianos para que conseguisse ser produzida, mas a trama de Remix Gang não se afasta muito da realidade das outras versões de Rebelde.

A história acontece no Maurya High school, uma instituição para os filhos de ricos e de famosos, mas que também hospeda estudantes da bolsa de estudos, que vêm da seção mais pobre da sociedade. Lá os alunos passam a se desenvolver a passar por diversos dilemas que já foram abordados nos itens anteriores, e a trama da vez gira em torno de quatro estudantes (TiaAnveshaYuvi e Ranveer) que prefeririam passar muito pouco tempo um com o outro, precipitando-se a partir das diferenças e da aparência, mas as circunstâncias do destino os forçaram a viver juntos e fez com que eles formassem uma banda sensação no país.

Devido à situação cultural do país, algumas situações de afeto como beijos e outras carícias não eram permitidas em cena, o que fez com que os roteiros mudarem e tornou essa uma versão bastante diferenciada, mas que fez bastante sucesso em seu país.

REBELDE WAY (PORTUGAL)

Exibida entre agosto de 2008 e julho de 2009, a versão portuguesa de Rebelde Way é conhecida por ser uma das mais ousadas até o momento, por levar em uma trama adolescente da época críticas a sociedade elitista e cenas de nudez logo no seu primeiro capítulo.

Sua trama tem como base um colégio interno de adolescentes da elite com uma cota para bolsistas, mas a trama também traz algumas ideias novas como a introdução dos Puros, uma sociedade secreta cujo propósito é conservar a pureza da classe privilegiada do Prestige International School (atual colégio da novela). E durante a história, somos apresentados ao quarteto protagonista MiaManuelPedro e Lisa, quatro jovens que, apesar de suas grandes diferenças e histórico de vingança, descobrem algo que os unirá acima de tudo: o grande amor pela música, formando o grupo RBL.

CORAZÓN REBELDE (CHILE)

Essa é a temporada mais curta da lista, pois ela teve sua estreia em agosto de 2009 e foi encerrada em dezembro do mesmo ano, tendo apenas 80 capítulos e também tendo uma grande mudança na história e na  personalidade de seus personagens - e todas essas mudanças foram sugeridas pela própria criadora de Rebelde Way, Cris Morena.

Apesar das mudanças, muitos fãs consideram CZR (a sigla da novela) como um dos melhores remakes da história dos personagens, ficando atrás apenas da aclamada versão mexicana, e muitos fãs também elogiam a música de abertura da versão chilena.

REBELDE (BRASIL)

Uma das versões que mais dividiu os fãs dessa lista, Rebelde foi uma parceria da Record com a Televisa que foi lançada em março de 2011 e encerrou em outubro de 2012, e ela tinha o objetivo de cativar uma nova geração de fãs das terras brazucas, mas a jornada da novela foi bastante conturbada.

A trama ainda era ambientada dentro de uma escola, mas todo enredo e personalidade dos personagens (Pedro, Alice, Roberta, Diego, Thomas e Carla) não era nada compatível com as versões anteriores, tentando trazer uma trama inédita que até chamou a atenção na primeira temporada, mas que logo em seu segundo ano atingiu o completo fiasco, tendo diversos problemas entre a produção e o elenco, e também trazendo tramas bizarras demais como os Vampiros (??).

A versão cercada por diversas polêmicas ficou mais conhecida pela briga de fãs do RBD (versão mexicana) e os fãs da versão brasileira (também conhecida como RBR).

REBELDE (NETFLIX)

Em 2018, a Netflix adquiriu os direitos da novela Rebelde Way com o objetivo de fazer uma nova série original para o catálogo, e mesmo utilizando da trilha sonora da aclamada versão mexicana, a nova série da locadora vermelha procurou escalar atores de diversos pontos da América Latina, tento inclusive a atriz brasileira Giovanna Grigio (Chiquititas, Malhação - Viva a Diferença) no elenco, ao lado de outros atores como Azul GuaitaSergio Mayer MoriAndrea Chaparro, Jeronimo CantilloFranco MasiniLizeth SeleneAlejandro Puente.

As gravações se iniciaram nessa segunda-feira (1° de março), e a produção tem estreia marcada para 2022, mas ainda não tem uma data definida.