Falando ao Entertainment Weekly, Vin Diesel, protagonista de Velozes e furiosos 9, comentou sobre porque esse é o momento certo de ressuscitar Han e trazê-lo de volta para a franquia.

"Han é um personagem essencial na franquia. Se você se lembra, ele é o responsável pelos anos de distância de Dom Toretto. Ele é quem está fazendo trabalhos com ele no México, ele é o único que sabe onde Dom está, e em muitos aspectos é a ponte para Dom quando ele volta em Tokyo Drift".

"Portanto, há algo muito especial e mágico sobre o personagem Han. Quando você vier o filme, você sentirá, mas acredito que, no fundo, é outro testamento para, não só virar as costas para a família, mas não desista da família. Sem abrir mão do enredo, esse é o tema: Não desista da família!", termina Diesel.

"Família é o cerne de Velozes e Furiosos, e como você explora isso e joga com isso é o que o torna uma franquia interessante. Um dos aspectos atraentes do Fast é essa história de fundo à qual fomos apresentados, literalmente, 20 anos atrás, e que sempre teve seu manto de obscuridade. Sempre quisemos saber um pouco mais sobre as origens. E acho que uma franquia tem que ganhar o direito de voltar em profundidade a uma história de fundo, e espero que Velozes e Furiosos tenha feito exatamente isso".

O diretor Justin Lin já havia comentado a entrada de John Cena, como Jakob, na família Toretto. Agora, chegou a vez de Vin Diesel comentar a importância da escalação de Cena para o papel.

"Eu me senti como Justin. a escalação desse personagem poderia seguir um milhão de caminhos diferentes. E ao mesmo tempo um personagem muito, muito difícil de lançar. Por causa disso, você tem que seguir seu instinto, você tem que seguir seu coração. ele tinha uma energia que provocava uma espécie de curiosidade por todos os Torettos. Ele apenas se sentia bem. E fez um trabalho excelente.

Velozes e Furiosos 9 chega aos cinemas em 28 de maio de 2021.

Fonte: Entertainment Weekly