O rei dos sete mares chegou aos cinemas arrastando tudo, surpreendendo crítica, bilheteria e até os executivos da DC/Warner. O filme lucrou mais até que os Batmans de Christopher Nolan, o que foi mais que o suficiente para a DC apostar em uma sequência. O estúdio tenta convencer James Wan a dirigir novamente o longa.

De acordo com Deadline, a Warner já se prepara para Aquaman 2, visando trazer Wan de volta à cadeira de diretor - ele alcança a marca do bilhão em bilheteria pela segunda vez (o outro sendo Velozes e Furiosos 7), se tornando um dos poucos a ocupar a vaga dos mestres dos filmes blockbusters.

Um dos representantes do diretor afirmou que ele está tirando uma folga, e que aceitará voltar para a DC caso o roteiro seja  digno para o retorno de Arthur Curry aos cinemas. Em outras palavras, Aquaman 2 fica em "rascunhos" até que o diretor confirme sua participação. 

James Wan é velho conhecido dos cinemas por seus filmes de horror como Invocação do Mal e Sobrenatural. Agora, o diretor se tornou um marco, sendo o cineasta da DC/Warner a conquistar o trono que por 15 anos pertencia a trilogia Batman, de Nolan .