Muitos fãs ficaram irritados com o anúncio do fim da série The OA pela Netflix logo depois do lançamento da sua segunda temporada. Vários manifestos foram criados para pressionar o streamimg a voltar atrás em sua decisão, o mais forte deles foi a chamada #SaveTheOA, "Salve The OA", em português, que dominou o treagins tops do Twitter por um bom tempo. 

De lá para cá as manifestações ainda continuam com todo gás e ganhando força. Alguns fãs se reuniram em Nova York, nos Estados Unidos, para um protesto contra o encerramento da produção, colocando um letreiro com a chamada #SaveTheOA em uma das principais ruas da cidade.

Além da hashtag, o outdoor estava acompanhado da frase: "nós não desistiremos de você". A iniciativa foi de Ryan Lulofs, que criou em 11 de agosto uma vaquinha online no site GoFundMe. Foi a partir dela que os fãs conseguiram arrecadar R$ 20 mil para colocar o letreiro Time Square.

Brit Marling voltou a se manifestar em sua conta no Instagram e agradeceu o carinho dos seus fãs, principalmente do Brasil, França e Japão.

"Estamos lisonjeados, sendo muito honestos, por todo o suporte que The OA vem recebendo. As palavras e imagens de vocês têm mexido muito com a gente. Não porque a série deva continuar, mas porque, para algumas pessoas, o seu cancelamento inesperado levanta questões maiores sobre o papel da narrativa e seu destino dentro do impulso do capitalismo tardio em direção à consolidação e economias de escala".

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

????

Uma publicação compartilhada por Brit Marling (@britmarling) em