Voltamos do breve hiatos de Riverdale! Depois do fim de toda a história envolvendo Stonewall, as coisas parecem que iriam voltar ao normal em Riverdale, mas uma nova rodada de fitas misteriosas brotam nas portas da vizinhança. Vocês lembram das fitas que foram apresentadas no começo da temporada e misteriosamente deixadas de lado certo? E a partir disso que o novo plot segue.

Enquanto assistem os vídeos recebidos de porta em porta, todos os nossos personagens cantam! Sim, um episódio completamente musical raiz, onde as pessoas cantam do nada e sem motivo. (Contém ironia). E dessa vez todos eles cantam. Sim, Jughead canta, e junto a ele todos os pais e coadjuvantes da série.

Na narrativa falada do episodio, temos Hiran não aceitando sua doença. Ele finge que está bem, falta compromissos médicos e chegou até a pedir para que Archie não conte a Veronica do pequeno problema que ele teve na academia. Vamos combinar que se você não quer que sua filha saiba das coisas não vá malhar na academia do namorado dela né?

Jughead esta de volta à Riverdale High e Betty entrega a ele um fichário para estudos com tudo o que ele perdeu enquanto estava fora. Gente, ele estava estudando também, não é como ele tivesse abandonado os estudos, porque simplesmente não podem fazer uma equivalência? Tão impraticos em certos pontos.

Mas mesmo com todo esse tanto de coisa pra estudar, Jug ainda procura Charles para ajudar ele na investigação das fitas. E pede segredo para que Betty não saiba. Ele não sabe ainda que segredos bobos destroem relacionamentos? Só que o jovem detetive não está com a cabeça bem nos estudos, o que chama a atenção de Betty.

Na parte coadjuvante do show, o diretor quer censurar o musical de Kevin, por achar o número escolhido inapropriado. E ele responde, cantando é claro, que aquilo é a alma da geração dele, que celebra diversidade.

Todo o episodio tem uma vibe meio Glee e High School Musical, e não me entendam mal, eu amo esse estilo, só que dessa vez me pareceu um tanto forçado e não o refresco e o suspiro que os episódios musicais de Riverdale dão a série. Ficou coreografado demais em momentos que não precisavam ser assim.

Voltando ao Kevin, neste episódio vimos um lado rebelde do personagem que irá contra as coisas que o mundo, e a escola, o impõe. Inclusive para se expressar mais. Rendeu uma ótima cena, talvez uma das melhores do episódio, com direito a beijo e tudo.

Só que o Mr. Honey não vai aceitar a rebeldia assim tão fácil e além de tirar o Kevin do show, ainda disse que todos que forem cantar músicas do dito musical estarão banidos da formatura. E lógico, vamos para um jogo de ataque e contra ataque, quando os alunos resolvem se produzir igual a Kevin como forma de protesto e o diretor resolve cancelar o show de variedades.

Ok, mas o que foi a festa do pijama das meninas + Kevin? Eu nem sabia que eles eram tão amigos assim para dividir momentos como aqueles. E desde quando o Kevin tem vontade de se transformar em mulher? Achei esse acontecimento muito jogado, sem explicação e sem trabalhar essa forma como ele se sente. Apesar de tudo foi uma boa cena para trabalhar o quesito aceitação.

Mas como não só de empoderamento e música se vive o episódio, tivemos também um pouquinho de discussão para agitar a trama. Archie conta a Veronica do incidente da academia com o pai dela e V acaba surtando e colocando a culpa no Archie por não ter feito nada (como se ele pudesse fazer algo). Enquanto isso Betty descobre o segredinho de Jughead e fica jogando na cara dele todos os esforços dela para tentar fazê-lo se formar. Eles quatro então entram em uma discussão musical um tanto exagerada com coisas sendo jogadas no chão. Mas ainda assim mais interessante que metade do episodio.

Ainda quando o show de variedades estava de pé, Archie decide inscrever ele e os amigos como uma banda. E convenientemente, Betty e Archie se encontram no ensaio que foi cancelado, mas que a loira não sabia. Eles então começam a falar sobre coisas do passado e resolvem cantar. No fim, rola um clima e um beijão daqueles. Foi interessante, quero ver o que vai rolar com os casais depois deste evento. Até porque eles ficaram arrasados por omitir isso de seus parceiros, mas não negam seus sentimentos. E aí, aquela cena deles na janela foi uma despedida ou um indício de que veremos mais Archie e Betty por aí?

Ok, mas vamos ao útil do episódio: a cena final. Finalmente temos o que nos levará para a season finale e possível enredo da quinta temporada. Uma das fitas que Jughead analisa traz um assassinato. Duas pessoas mascaradas aparecem no vídeo e uma delas taca uma pedra na cabeça da outra e ainda encara a câmera de um jeito bizarro. O que isso tem a ver com os personagens principais? Isso é algo que vamos ter que esperar o corona vírus deixar a gente descobrir.

P.s: cuidado para do nada vocês não acabarem cantando no teto de uma lanchonete com um monte de gente com velas no chão.